Câncer: um guia completo sobre a doença

câncer

O avanço no campo da medicina permitiu que muitos tipos de câncer possam ser curados hoje em dia. Entretanto, ainda existem desafios para serem superados. Um deles é a conscientização das pessoas sobre a doença, principalmente sobre aqueles tipos de câncer que são os mais frequentes no Brasil.

Por isso, neste artigo você vai conferir um compilado das principais informações acerca da doença. Confira o que você verá:

  • O que é câncer?
  • O que é um tumor?
  • Qual a diferença entre um tumor benigno e um tumor maligno?
  • O que causa o câncer?
  • Sintomas do câncer
  • Como é feito o diagnóstico de um câncer?
  • Tenho câncer, e agora?
  • Tratamento do câncer: como funciona:
  • Os tipos de câncer mais frequentes no Brasil
    • Câncer de Mama
    • Câncer de Pele
    • Câncer de Próstata

O que é câncer? 

O câncer é o nome genérico dado para um grupo de mais de 200 doenças, que surgem a partir do crescimento desordenado das células. Como consequência, têm-se a formação de tumores com capacidade de metástase isto é, com a capacidade de se espalhar para outras partes do corpo. É isso que caracteriza, enfim, um câncer.

Do contrário, quando um tumor ocorre pelo aumento no número de células, mas que não tem capacidade de metástase, dizemos que se trata de um tumor benigno.

O que é um tumor?

Um tumor, por sua vez, nada mais é do que o aumento de volume observado em alguma parte do corpo. No entanto, quando isso ocorre por um aumento no número de células, esse tumor é denominado de neoplasia.

Sabe-se que o nosso organismo é formado por milhões de células que, naturalmente, renovam-se por um processo denominado de divisão celular.

Por uma série de fatores (genéticos ou adquiridos, como hábitos e estilo de vida, por exemplo), essa divisão celular pode ficar comprometida, e as células podem crescer e se multiplicar de forma desordenada. Como consequência, elas podem dar origem a uma neoplasia, podendo ela ser benigna ou maligna (câncer).

Entenda mais neste artigo aqui: Oncologia: entenda o que é e saiba mais sobre tumores!

Qual a diferença entre um tumor benigno e um tumor maligno?

Como explicado anteriormente, um tumor benigno consiste em uma massa causada pelo aumento de células, mas que não tem capacidade de gerar metástase — isto é, de se espalhar para outros órgãos do corpo.

Já um tumor maligno (neoplasia maligna), por sua vez, é o câncer propriamente dito. Ele tende a ser mais agressivo e possui a capacidade de se infiltrar em outros órgãos.

O que causa o câncer?

As causas do câncer podem ser várias, mas, de modo geral, ele pode ocorrer devido a uma composição genética herdada, a um mau funcionamento das células, à exposição a algum fator desencadeador presente no meio ambiente, ou aos próprios hábitos de vida do paciente.

Segundo o Inca (Instituto Nacional do Câncer), cerca de 80% a 90% dos casos de câncer estão associados a causas externas. Ou seja, a grande maioria deles podem ser evitados se a pessoa procurar levar uma vida saudável. Ao longo deste artigo, você irá conferir algumas dicas que podem ajudar a prevenir a doença. Continue a leitura!

Sintomas do câncer

O câncer pode ocorrer em qualquer órgão do corpo, e pode causar sintomas específicos, dependendo do tipo da doença e do estágio em que se encontra. Mas, de modo geral, existem alguns sinais que podem indicá-lo. Conheça os principais a seguir:

  • Perder peso radicalmente, sem dieta ou exercícios;
  • Sentir-se muito cansado realizando pequenas tarefas;
  • Sentir dores constantes e que não passam em alguma parte do corpo;
  • Sentir febre instável, que volta mesmo tomando remédio;
  • Perceber alteração nas fezes por mais de 6 semanas, sem relação com alimentação ou outras doenças intestinais;
  • Notar manchas ou alterações na pele;
  • Surgimento de caroço e inchaço das ínguas;
  • Sofrer sangramento;
  • Ter a voz rouca e tossir por mais de 3 semanas;
  • Sentir dores ao urinar ou possuir urina escura;
  • Feridas que demoram para cicatrizar.

É importante lembrar que esses sintomas podem não ser um indicativo de câncer, mas de alguma outra doença, como diabetes e infecção urinária. Por isso, na presença de qualquer um desses sinais, o mais recomendado é que você procure um médico, e realize os exames necessários para um diagnóstico preciso.

Para marcar o seu exame com o IMEB, é só clicar aqui e agendá-lo online!

 

Consulte os convênios atendidos pelo IMEB aqui.

Como é feito o diagnóstico de um câncer?

Para diagnosticar a doença, o médico primeiro irá avaliar os sintomas relatados pelo paciente, realizar um exame físico, investigar o seu histórico ou, por vezes, fazer um teste de triagem. É nesta etapa que os sintomas sentidos pelo paciente podem ser, na verdade, sinais de alguma outra doença, por exemplo.

Se for necessário, podem ser feitos também exames de diagnóstico por imagem em especial a Ecografia (ou Ultrassonografia), a Tomografia Computadorizada, o exame de PET/CT, a Ressonância Magnética e a Mamografia (na possibilidade de um câncer de mama).

Todos esses exames são seguros, indolores e geralmente rápidos, e podem ser realizados no IMEB, clínica referência em diagnóstico por imagem e Medicina Nuclear no Centro Oeste. Agende seu exame aqui!

E, para a confirmação do câncer, geralmente é feito uma biópsia, de modo que se identifique a presença de células cancerígenas na amostra do tecido colhido. Essa biópsia pode ser guiada, se necessário, por meio de Ultrassonografia ou Tomografia Computadorizada. Para que o paciente não sinta dor, ele irá permanecer anestesiado durante o procedimento.

Uma vez diagnosticado a doença, será necessário também avaliar o estadiamento do câncer, a fim de averiguar a sua progressão e em qual estágio ele se encontra. Essa etapa também é fundamental, pois irá auxiliar o médico na escolha do tratamento mais adequado para tratar o câncer.

Tenho câncer, e agora?

Após a confirmação do diagnóstico, é comum o paciente se perguntar: “Tenho câncer, e agora?” Nessas situações, buscar compreender mais sobre a doença é o primeiro passo para iniciar o tratamento recomendado pelo médico.

Com o avanço da medicina, muitos tipos de câncer já são curáveis, a depender do tipo e do momento em que ele foi diagnosticado. O mais importante é que o paciente oncológico siga com o tratamento, e conte com uma clínica que ofereça um atendimento humanizado, como o IMEB,  durante a realização dos exames.

O que faz do IMEB referência em diagnóstico por imagem?

Tratamento do câncer: como funciona?

De maneira geral, as principais formas de tratamento de um câncer são a radioterapia, a quimioterapia e a cirurgia.

A radioterapia consiste em combater localmente o tumor cancerígeno, por meio de radiações ionizantes. Já a quimioterapia consiste no uso de medicamentos que agem sobre as células cancerígenas, que estão crescendo e se multiplicando desordenadamente. Saiba mais aqui: Qual a diferença entre radioterapia e quimioterapia?

A cirurgia oncológica, por fim, consiste na remoção do tumor ou no controle de sintomas que estejam ameaçando a sobrevivência do paciente.

Mas para que um tratamento do câncer seja o mais eficaz possível, ele precisa ser individualizado para cada paciente. Logo, a forma de tratá-los também pode variar, necessitando, se for o caso, de outras medidas, como a hormonioterapia, a imunoterapia e até o transplante.

Além disso, o tratamento do câncer é multidisciplinar, na qual o trabalho conjunto de profissionais da oncologia com médicos de outras áreas pode ser de grande auxílio.

É o caso, por exemplo, da coparticipação de psicólogos, nutricionistas, fisioterapeutas e fonoaudiólogos, todos unidos com um único propósito: tratar o paciente e o câncer da melhor forma buscando atingir o objetivo do tratamento.

Para saber mais sobre o câncer e as opções de tratamento, baixe gratuitamente nosso E-book “Tenho Câncer e Agora?” É só clicar aqui ou na imagem abaixo!

E-book Tenho Câncer e Agora

Continue acompanhando o tópico para saber mais sobre os tipos de câncer mais incidentes no Brasil.

Os tipos de câncer mais comuns no Brasil

Segundo o Inca, o câncer de pele é o tipo da doença mais frequente no Brasil. Já entre os homens, os tipos de câncer mais comuns são o de próstata (31,7%), traqueia, brônquio e pulmão (8,7%) e o câncer colorretal (8,1%).

Entre as mulheres, o câncer de mama é o mais frequente (29,5%), seguido do colorretal (9,4%) e colo do útero (8,1%).

A seguir, conheça os materiais que já produzimos sobre alguns deles. Você pode baixá-los gratuitamente!

Câncer de Mama

O tipo de câncer mais frequente entre as mulheres no Brasil e no mundo, o câncer de mama é um tumor maligno desenvolvido na mama, como consequência de alterações genéticas.

Ele é formado a partir de um conjunto de células que passam a se dividir descontroladamente, e acabam se multiplicando de forma anormal no ducto e nos glóbulos mamários.

O principal exame que detecta o câncer é a mamografia, e deve ser feito anualmente pelas mulheres a partir dos 40 anos, ou a partir dos 35 se houver histórico familiar da doença. Caso o câncer seja identificado cedo, as chances de cura sobem para 98%.

Para saber mais sobre a mamografia, leia este artigo aqui, ou assista ao vídeo abaixo, no qual o Dr. Renato fala sobre alguns mitos e verdades envolvendo o exame. Confira:

E para saber mais sobre o câncer de mama, baixe nosso E-book Tudo Sobre o Câncer de Mama. É gratuito: é só clicar aqui ou na imagem abaixo!

ebook-cancer-de-mama-imeb

E-Book – Tudo Sobre o Câncer de Mama!

Câncer de Pele

O câncer de pele caracteriza-se por um crescimento anormal das células que compõem a pele. Os principais sintomas visíveis são lesões na pele (de aparência elevada, brilhante, e que mudam de cor, textura e tamanho), e manchas ou feridas que não cicatrizam.

Existem dois tipos do câncer de pele: o tipo melanoma, que é menos frequente, porém mais agressivo, e o tipo não-melanoma, com maior incidência e baixa mortalidade. Este segundo é o mais frequente no país, tanto em homens quanto em mulheres.

Para saber como identificar os sinais do câncer, você pode ler este artigo aqui. Pode, também, baixar o nosso E-book Tudo Sobre o Câncer de Pele., e informar-se melhor sobre as causas, os sintomas, tratamento e formas de prevenção da doença. Não deixe de conferir!

ebook-tudo-sobre-cancer-de-pele

E-Book – Saiba tudo sobre o Câncer de Pele!

Câncer de Próstata

O câncer de próstata é um tipo da doença que acomete a próstata, glândula masculina que se situa logo abaixo da bexiga e à frente do reto. É o câncer mais frequente entre os homens, e costuma surgir principalmente a partir dos 65 anos.

A melhor maneira de se prevenir contra o câncer de próstata é realizando exames periodicamente, e informando-se sobre a doença. Os principais exames são o exame de sangue PSA, o toque retal e a biópsia. No vídeo abaixo, o Dr. Renato fala sobre alguns mitos envolvendo estes exames. Confira:

E não deixe de baixar também o E-book “Tudo Sobre o Câncer de Próstata”. Nele, nós trazemos as principais informações sobre a doença: estágios, como ela se manifesta, sintomas, tratamento e prevenção, e como é o dia a dia de quem tem o câncer. Baixe clicando aqui ou clicando na imagem abaixo!

Baixe gratuitamente o Ebook Tudo Sobre o Câncer de Próstata

E lembre-se: você pode contar com o IMEB na luta contra o câncer! Nós somos uma clínica referência em diagnóstico por imagem no Centro-Oeste, e possuímos um corpo clínico altamente qualificado, para dar a você o atendimento humanizado que você merece!

Caso tenha um exame de imagem para realizar, é só clicar aqui para agendá-lo conosco. Conte com o IMEB!

imagem ilustrativa de infográfico sobre exames para mulheres

Baixe o Infográfico e conheça os exames que toda mulher deve fazer por faixa etária – IMEB (Imagens Médicas de Brasília)

Fale conosco

Deixe sua mensagem aqui.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

IMEB -- 2018 © Copyright
Responsável Técnico: Alaor Barra Sobrinho - CRM-DF 3029