Sintomas do Coronavírus: veja os principais sinais e quando ir ao hospital

Principais Sintomas do Coronavírus e quando ir ao hospital

Entenda quais são os principais sintomas do Coronavírus e quando ir ao hospital

Quando afeta o ser humano, o novo Coronavírus (Covid-19) causa sintomas semelhantes aos da gripe ou de um simples resfriado, sendo facilmente confundido. Para conhecer os sinais específicos do Coronavírus e saber quando buscar um atendimento médico, acompanhe o artigo. Saiba quais as possíveis complicações da doença e os casos em que é indicado ir ao hospital.

 

Lembre-se: a informação é a melhor forma de prevenção.

Quais os Sintomas do Coronavírus? Confira os 5 principais

 

Por ser um vírus novo, ao qual o organismo humano ainda não está acostumado, o Covid-19 pode se manifestar de maneiras distintas de pessoa para pessoa. Porém, já é possível identificar que os sintomas do Coronavírus mais comuns são:

  • Febre;
  • Tosse seca; 
  • Dificuldade para respirar;
  • Congestão nasal e 
  • Mal-estar.

 

Além disso, alguns pacientes infectados com o vírus também apresentaram alguns outros sintomas, que também podem surgir em novos casos, como:

  • Cansaço;
  • Dor de garganta;
  • Dores de cabeça.

 

Deve-se ressaltar que, em alguns casos, o infectado pelo Coronavírus pode ser assintomático, ou seja, não apresentar sintomas, como o Dr. Renato Barra, médico do IMEB – Imagens Médicas de Brasília, explica no vídeo abaixo.

 

É importante reforçar, também, que o período de incubação do Covid-19 é de 2 a 14 dias (isto é, tempo entre a exposição ao vírus e a manifestação dos sintomas).

 

Conheça os principais sintomas do Coronavírus e saiba quando ir ao hospital

Essa ilustração faz parte da nossa Cartilha Especial sobre o Coronavírus, com todas as principais informações. Clique aqui para baixá-la gratuitamente e tire todas as suas dúvidas sobre a doença agora mesmo!

Atenção: novos sintomas do Coronavírus (Covid-19)

Além dos principais sintomas do novo Coronavírus (Covid-19) já conhecidos, como febre, tosse seca e falta de ar/cansaço, existem também outros novos sintomas que passaram a ser percebidos em alguns pacientes recentemente. São eles:

  • Calafrios e dores musculares difusas, dores no corpo inteiro;
  • Quadro neurológico de confusão súbita ou confusão repentina, isto é, incapacidade de acordar ou de estar em alerta;
  • Sintomas gastrointestinais, como diarréia, náuseas e vômitos;
  • Conjuntivite;
  • Perda do olfato e do paladar.

No vídeo abaixo, o Dr. Renato explica melhor sobre esses novos sintomas do Coronavírus. Assista:

 

Caso não houver melhora desses sintomas em até uma semana ou houver piora, pode ser um indicativo para o novo Coronavírus (Covid-19).

 

O que diferencia os sintomas do Coronavírus de gripe ou resfriado comum?

Por mais que os sintomas do Coronavírus sejam muito semelhantes aos de uma gripe ou de um resfriado comum, existem alguns sinais que são mais característicos do Covid-19. A falta de ar, por exemplo, é um sintoma mais frequente em pessoas infectadas com o novo Coronavírus.

 

(Fonte: Portal O Globo)

 

As informações são de uma página especial criada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para esclarecer as principais semelhanças e diferenças entre o novo Coronavírus e gripes comuns (Influenza).

O relatório também aponta que coriza ou nariz entupido é um sintoma raro em pessoas que estão infectadas com Coronavírus, sendo mais frequente em pacientes com gripe ou resfriado comum.

*É importante reforçar que somente testes específicos são capazes de oferecer um diagnóstico preciso se os sintomas apresentados são de gripe, resfriado ou do novo Coronavírus.

Estou com sintomas do Coronavírus, devo me preocupar?

A gravidade da doença depende, principalmente, da idade e de condições de saúde pré-existentes. Pessoas mais jovens e saudáveis, por exemplo, tendem a apresentar sintomas de Coronavírus leves ou moderados. Já idosos ou pacientes com problemas respiratórios ou diabéticos são mais vulneráveis e devem se atentar aos sintomas.

Isso porque são nesses casos, de pacientes pertencentes ao grupo de risco, que a doença tem mais chances de evoluir para quadros mais graves, como problemas respiratórios sérios e pneumonia (o que pode levar à morte).

Em cerca de 20% dos pacientes com Coronavírus acima de 60 anos de idade, com doenças cardiovasculares e diabetes, por exemplo, o vírus atinge os brônquios e os pulmões, piorando o quadro, como o Dr. Renato explicou no vídeo presente neste artigo.

Por isso, é importante ficar atento à evolução dos sintomas e procurar um médico para um melhor diagnóstico, especialmente pacientes que fazem parte do grupo de risco.

 

No vídeo abaixo, o Dr. Renato explica melhor como o novo Coronavírus pode piorar e levar à morte. Assista:

 

Quando é indicado ir ao hospital?

A recomendação principal é que somente pacientes que apresentem sintomas graves do Coronavírus (como febre alta por mais de 24 ou 48 horas e/ou falta de ar) devem ir ao hospital ou a uma unidade de atendimento à saúde próxima para realizar o teste para Coronavírus.

Quem teve contato com algum caso confirmado da doença também deve procurar atendimento médico.

Essa é uma medida para evitar a superlotação das unidades de saúde e garantir que pacientes em estados mais graves tenham acesso ao diagnóstico preciso e ao tratamento.

Inicialmente, era recomendado que somente pessoas que estiveram em viagem fora do Brasil em países de risco (como China, Alemanha, França, Itália, entre outros) ou tiveram contato com alguém que esteve nestes lugares nos últimos 14 dias deveria procurar atendimento médico, na presença de sintomas.

Porém, com o surgimento recente de casos de transmissão comunitária do Coronavírus no Brasil (quando já não é possível identificar a origem da transmissão), as recomendações de busca de auxílio médico foram ampliadas.

Pessoas que apresentarem sintomas mais leves devem permanecer em isolamento domiciliar pelo período de 14 dias.

Em caso de dúvidas, o Ministério da Saúde disponibiliza um canal oficial para esclarecimento de informações sobre o Coronavírus. Ligue 136.

 

Saiba mais em: Coronavírus: especialista esclarece tudo o que se sabe até agora.

Principais Sintomas do Coronavírus e quando ir ao hospital

Fale conosco

Deixe sua mensagem aqui.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

IMEB -- 2018 © Copyright
Responsável Técnico: Alaor Barra Sobrinho - CRM-DF 3029