Exame Perfusão Cerebral: o que é, para que serve e como é feito

Exame Perfusão Cerebral: entenda o que é, para que serve e como é feito

A Cintilografia de Perfusão Cerebral (ou apenas Perfusão Cerebral, Cintilografia Cerebral ou SPECT) é um exame de imagem seguro e rápido. Ele serve para avaliar a função cerebral e o fluxo sanguíneo da região, auxiliando no diagnóstico e acompanhamento de doenças como Alzheimer, depressão e ansiedade.

Para saber mais sobre o exame e esclarecer as suas dúvidas, continue lendo este artigo. 

Você entenderá melhor o que é a Cintilografia de Perfusão Cerebral, quais doenças ajuda a diagnosticar, como é feito o exame, tempo de duração, tipos e os resultados.

Confira!

Cintilografia de Perfusão Cerebral: o que é?

O exame de Cintilografia de Perfusão Cerebral (Cintilografia Tomográfica de Perfusão Cerebral – SPECT) é um método de diagnóstico por imagem que costuma ser solicitado por neurologistas ou psiquiatras para avaliar o funcionamento do cérebro e o fluxo sanguíneo cerebral, com o objetivo de esclarecer suspeitas clínicas.

A Cintilografia Cerebral identifica alterações na circulação do sangue no cérebro, o que ajuda a analisar o metabolismo da região indiretamente. Dados como esses são muito úteis para o diagnóstico preciso.

E é isso que o diferencia de outros tipos de exames cerebrais, como ressonância magnética e tomografia computadorizada, que ajudam a avaliar apenas mudanças estruturais e alterações na anatomia do cérebro, sem captar alterações metabólicas, o que faz a diferença no diagnóstico, a depender da suspeita do médico.

Para realizar a Perfusão Cerebral, é utilizada uma pequena e segura quantidade de radiação, com o uso de substâncias chamadas radiofármacos ou radiotraçadores. Elas são as responsáveis por penetrar no tecido cerebral e refletir o funcionamento da região, permitindo a formação de imagens para análise.

Vale ressaltar que, por conta da administração de radiação, mesmo que segura, o exame é contraindicado para gestantes, mulheres que estão amamentando ou com suspeita de gravidez.

Se você está amamentando ou conhece alguém nessa condição, este outro artigo 

também pode ser útil:

Amamentação e exame de contraste: tire suas dúvidas!

Para que serve o exame? Quais doenças ajuda a detectar?

A Cintilografia de Perfusão Cerebral é um exame neurológico que serve para diagnosticar e acompanhar doenças degenerativas do sistema nervoso, assim como transtornos neurológicos, psiquiátricos e emocionais.

As principais doenças que o exame auxilia a identificar são:

  • Alzheimer;
  • Mal de Parkinson;
  • AVC (Acidente Vascular Cerebral);
  • Depressão;
  • Ansiedade;
  • Traumas;
  • Epilepsia;
  • Esquizofrenia;
  • TOCs (Transtornos Obsessivos Compulsivos);
  • Entre outras demências, derrames e alterações comportamentais.

Além disso, a Perfusão Cerebral também serve para avaliar danos causados pelo uso de drogas, como crack, heroína, cocaína e outras drogas ilícitas.

Como é feito o exame de Perfusão Cerebral?

Inicialmente, os enfermeiros injetam o radiofármaco via intravenosa no paciente e, para que faça efeito no organismo, é necessário esperar entre 40 e 60 minutos. Nesse período, o paciente é liberado para sair da sala e se alimentar, caso deseje.

Somente após esse tempo é que o paciente é orientado a entrar no equipamento da Cintilografia de Perfusão Cerebral.

equipamento da Cintilografia de Perfusão Cerebral (1)

Durante a formação das imagens, o paciente permanece acordado e consciente, e o aparelho gira em 360º ao redor do crânio. Nesse momento, é recomendado não realizar movimentos bruscos, para não afetar a qualidade das imagens.

Logo após a finalização do exame, o paciente é liberado para retornar às suas atividades normais do dia a dia, sem restrições.

Para a realização do exame, é recomendado comparecer à clínica ou ao hospital com roupas confortáveis e sem partes metálicas (como zíperes ou fivelas). Também pode ser necessário tirar quaisquer pulseiras ou bijuterias, pois podem interferir na qualidade dos resultados.

O exame é seguro?

A Cintilografia de Perfusão Cerebral é considerada um exame seguro, sem efeitos colaterais (como dor de cabeça ou mal estar). Os riscos também são mínimos, sendo mais comum o paciente ficar com a pele avermelhada momentaneamente. Não existem riscos graves para a saúde.

Leia também:

Como lidar com o medo de doenças e exames?

Quanto tempo dura o exame?

Em média, a captação de imagens do exame de Perfusão Cerebral costuma durar em torno de 20 minutos, a depender da orientação médica.

Tipos de Cintilografia de Perfusão Cerebral

Existem alguns tipos de Cintilografia de Perfusão Cerebral, classificados de acordo com o radiofármaco utilizado: Trodat, Tálio ou Diamox/Dipiramidol. Entenda melhor quando cada um é utilizado abaixo: 

  • Cintilografia de Perfusão Cerebral com Trodat: costuma ser solicitada para investigar o Mal de Parkinson;
  • Cintilografia de Perfusão Cerebral com Tálio: indicada para identificar o reaparecimento de tumores cerebrais;
  • Cintilografia de Perfusão Cerebral com Diamox ou Dipiramidol: costuma ser indicada para o diagnóstico de derrames e AVC’s.

Saiba mais em:

Cintilografia cerebral (trodat, tálio, diamox/dipiramidol)

Resultado da Cintilografia de Perfusão Cerebral

imagens ansiedade exame (1)

Os resultados da Cintilografia de Perfusão Cerebral mostram, especialmente, as áreas de maior e/ou menor fluxo sanguíneo no cérebro

No caso da imagem acima, por exemplo, que é o resultado da Perfusão Cerebral de um paciente com suspeita de quadro de ansiedade severa, as imagens mostram que há um aumento do fluxo sanguíneo em certas áreas do cérebro.

Já resultados de exame que demonstram uma redução do fluxo sanguíneo cerebral (condição chamada de hipoperfusão), geralmente confirmam a suspeita clínica de Alzheimer.

É importante ressaltar que resultados de exames que o paciente tenha realizado anteriormente, como tomografiasressonâncias e outras cintilografias, também podem ser relevantes para um diagnóstico preciso e devem ser apresentados.

Para consultar mais detalhes como preparo da Cintilografia de Perfusão Cerebral, convênios que cobrem o exame e onde fazer, clique aqui e acesse a página do exame no IMEB. Nós estamos disponíveis para esclarecer as suas dúvidas!

Marque seu Exame - IMEB
Marque seu Exame no IMEB – Imagens Médicas de Brasília

Leia também: O que faz do IMEB referência em diagnóstico por imagem? e O que considerar para obter confiança em um diagnóstico?

Por: Dr. Renato Barra / Categoria: Neurologia

10 de janeiro de 2017

Conteúdos Relacionados

DICAS DE SAÚDE

Receba Dicas de Saúde Atualizadas