Saúde da mulher: cuidados antes, durante e após o câncer de mama | IMEB

Saúde da mulher: cuidados antes, durante e após o câncer de mama

O câncer de mama é, sem dúvida, uma das maiores preocupações em saúde da mulher em todo o mundo, já que é o segundo tipo de câncer mais comum no público feminino.

No Brasil, estima-se que ocorrerão mais de 73 mil novos casos de câncer de mama em 2023, número que acende o alerta para a urgência de se cuidar da saúde da mulher e de fortalecer a conscientização, o diagnóstico precoce e os tratamentos adequados. 

Neste conteúdo, você vai conhecer os cuidados essenciais que as mulheres devem ter antes, durante e após o câncer de mama. Confira! 

Cuidados preventivos do câncer de mama

Mulher sentada ao lado de bicicleta.

O principal fator de risco para o câncer de mama é a genética, e isso não pode ser alterado. No entanto, a ciência já sabe que certos hábitos de vida podem aumentar ou reduzir as chances de desenvolvimento da doença.

A prática regular de atividade física e uma alimentação saudável, por exemplo, ajudam na manutenção de um peso corporal adequado. E sabe-se hoje que excesso de peso é um dos fatores que aumentam o risco de câncer de mama.

Outro fator é o consumo excessivo de bebidas alcoólicas. O álcool pode aumentar o risco de câncer de mama de várias maneiras: tanto por causar danos ao DNA quanto por aumentar a sensibilidade dos tecidos. Por isso, moderar o consumo de bebidas alcoólicas é uma medida preventiva não apenas para o câncer mamário, mas também para diversas outras doenças.

O cigarro contém substâncias químicas associadas ao câncer (não apenas de pulmão). Segundo o Instituto Vencer o Câncer, cerca de 30% do total de casos de câncer diagnosticados em todo o mundo são relacionados ao tabagismo. É aconselhável ficar longe desses componentes, inclusive, evitar contato com o fumo passivo. 

Vale ressaltar, ainda, que uma rotina periódica de consultas e exames é aconselhada para pessoas com histórico de câncer de mama na família ou com risco aumentado, e deve ser feito de acordo com a frequência recomendada pelo médico. 

Já a realização anual da mamografia, essencial para a saúde da mulher, é recomendada a partir dos 40 anos. 

Diagnóstico de câncer de mama: cuidados importantes

Médico conversando com paciente idosa.

A descoberta de um câncer de mama é um momento extremamente difícil para qualquer mulher, sendo um bastante desafiador, do ponto de vista físico e emocional, mas vale ressaltar que as chances de cura são altas, quando o diagnóstico é precoce, podendo superar os 90%. 

A partir do momento em que se recebe a notícia, é fundamental focar no tratamento, o que, nesse momento, é o mais importante.  Além disso, é vital seguir as orientações médicas à risca para ser possível enfrentar o câncer de mama da melhor forma.

Confira alguns desses cuidados nessa fase:

Cuidados físicos

  • Alimentação saudável: Uma dieta equilibrada é essencial para fortalecer o sistema imunológico e auxiliar no processo de recuperação. Consulte um nutricionista especializado em oncologia para criar um plano alimentar adequado às suas necessidades.
  • Repouso adequado: O descanso é fundamental para permitir que o corpo se recupere do tratamento, sobretudo após as sessões de quimioterapia. Dê prioridade ao sono de qualidade e ao relaxamento.
  • Atividades físicas: Exercícios físicos adequados, sob orientação médica, contribuem para a recuperação. Eles ajudam a manter a força e a energia, além de melhorar o bem-estar emocional.
  • Comunicação com a equipe médica: Mantenha um contato próximo e aberto com a equipe médica que está cuidando do seu tratamento. Faça perguntas, compartilhe seus sentimentos e preocupações, e siga as orientações médicas rigorosamente.

>>> Informação de qualidade é outro fator que faz toda diferença nesse momento. Por isso, baixe gratuitamente nosso conteúdo gratuito, clicando na imagem abaixo:

ebook tenho câncer, e agora?

Cuidados emocionais

  • Apoio psicológico profissional: Buscar ajuda psicológica profissional é uma maneira positiva de lidar com o impacto emocional do diagnóstico e do tratamento. Esse profissional pode apresentar estratégias para que você possa enfrentar da melhor forma o estresse, a ansiedade e outros desafios emocionais.
  • Rede de apoio: Sua rede de apoio, composta por amigos e familiares, é um recurso importante na recuperação. Compartilhe seus sentimentos e preocupações com eles e permita que eles estejam ao seu lado durante esse período. 
  • Celebração de conquistas: Cada passo na sua jornada de tratamento é uma conquista. Por isso, celebre as pequenas e grandes vitórias, como sessões de tratamento concluídas, resultados positivos ou até simples momentos de alegria no dia a dia.
  • Autocuidado: O câncer de mama não abala apenas a saúde da mulher, mas também a autoestima. Por isso, manter os cuidados pessoais e a vaidade é importante para a saúde emocional. 

Cuidados para quem venceu o câncer de mama

Mulher apalpando a mama

Vencer o câncer de mama é algo para ser celebrado. No entanto, é importante lembrar que, mesmo após essa vitória, a jornada continua e requer cuidados contínuos para manter a saúde da mulher em dia. Veja alguns dos cuidados nessa fase:

Manter o acompanhamento médico

Após o tratamento de câncer, é preciso fazer acompanhamento médico regular, na frequência definida pelo seu médico. Consulte o seu oncologista ou mastologista nos intervalos recomendados para monitoramento e para garantir que você esteja em boa saúde.

Autoexame das mamas

Para pacientes que não tiveram a retirada das mamas, o autoexame deve ser feito de acordo com as recomendações do médico. Embora não substitua a mamografia, ele é uma ferramenta importante para identificar quaisquer mudanças na região. 

Mamografias de rastreio

Mantenha a rotina de mamografias de rastreio conforme as diretrizes médicas. A detecção precoce é essencial para garantir que qualquer recorrência seja identificada o mais cedo possível. Essa recomendação é válida para paciente com ambas ou apenas uma mama. 

Cuidar dos efeitos colaterais do tratamento

Alguns tratamentos podem deixar efeitos colaterais de longo prazo, como fadiga, alterações na pele e problemas de saúde óssea. Certifique-se de que está cuidando desses efeitos, seguindo as orientações médicas e buscando tratamento adequado.

Estilo de vida saudável

Continue a manter um estilo de vida saudável, incluindo uma alimentação balanceada, atividade física regular e evitar cigarro e o excesso de bebidas alcoólicas. 

Apoio psicológico

A jornada após o tratamento pode ser desafiadora. Considere a continuidade do apoio psicológico para lidar com sentimentos de ansiedade, medo ou estresse que possam surgir.

Exames adicionais

Para pessoas que tiveram câncer, a realização de exames de rotina após o tratamento serve para monitorar a saúde e detectar qualquer recorrência e, até mesmo, avaliar o surgimento de nódulos em outras regiões do corpo. 

—————————-

Para todos esses momentos – antes, durante ou após o diagnóstico – conte com o IMEB Imagens Médicas de Brasília. Somos referência em exames de imagem no Centro-Oeste, com 35 anos de experiência.

Se você está no Distrito Federal ou Entorno e tem pedido médico, clique no link abaixo para agendar seu exame conosco e vir cuidar da sua saúde conosco!

Agende agora seu exame conosco!

Por: Dr. Renato Barra / Categoria: Câncer de mama mamografia

24 de outubro de 2023

Conteúdos Relacionados

Conteúdos Recomendados

DICAS DE SAÚDE

Receba Dicas de Saúde Atualizadas