Vitamina D: Benefícios e Como Aumentar | IMEB

Vitamina D: Benefícios e Como Aumentar

A vitamina D é conhecida, principalmente, por fortalecer os ossos, uma vez que esse nutriente é responsável pela regulação do cálcio e do fósforo no organismo.

Por sua importância para a saúde e bem-estar geral, a vitamina D é tema frequente de diversos estudos. E, neste artigo, você vai conhecer possíveis novos benefícios da vitamina D que foram encontrados em recentes pesquisas.

Acompanhe!

Benefícios da Vitamina D

Benefícios da Vitamina D

A principal função da vitamina D é regular o metabolismo ósseo, já que é importante para as concentrações de cálcio e fósforo no organismo, minerais fundamentais para a saúde dos ossos e consequentemente para a prevenção da osteoporose

Além disso, a vitamina D tem papel importante na saúde cardiovascular, uma vez que esse é um sistema que necessita de níveis adequados de cálcio e fósforo para seu correto funcionamento. 

Assim, o nutriente exerce influência no controle das contrações do músculo cardíaco e, consequentemente, no bombeamento de sangue para o corpo. 

Da mesma forma, a vitamina atua como reforço para o sistema imunológico, já que ativa células de defesa como os linfócitos.

Alguns estudos também apontam que quantidades suficientes de vitamina D no organismo contribuem para diminuir a chance de se desenvolver certas doenças crônicas, como  hipertensão arterial e a obesidade, além de alguns tipos de câncer, como o câncer de mama, colorretal, de fígado, entre outros.

Por outro lado, a deficiência de vitamina D no organismo pode trazer sérias consequências à saúde, como:

  • Fragilidade óssea, já que a vitamina D é fundamental para absorção de cálcio nos ossos.
  • Alterações no sono.
  • Depressão.
  • Baixa imunidade.
  • Queda de cabelo.
  • Enfraquecimento das unhas.
  • Acne.
  • Dificuldade de cicatrização.

Entenda, com mais detalhes, os principais riscos que a deficiência de vitamina D pode causar ao organismo acessando este outro conteúdo.

Estudos apontam novos benefícios da vitamina D

A vitamina D com frequência é objeto de novos estudos que visam encontrar outros benefícios desse nutriente para o organismo, além daqueles citados acima. 

Recentemente, pesquisas mostraram possibilidades promissoras para potenciais vantagens da vitamina D, como prevenção para o diabetes, combate à depressão e à tentativa de suicídio e automutilação, além da redução do risco de câncer de pele do tipo melanoma.

É importante ressaltar que esses estudos não são conclusivos, e mais pesquisas precisam ser feitas para de fato comprovar os reais benefícios da vitamina D nesses quesitos. Mas foram levantados dados bastante animadores, que valem a pena mencionar.

Prevenção do diabetes

Apesar de alertar que as mudanças no estilo de vida e o uso de medicamentos continuam sendo as principais alternativas para prevenir a diabetes, verificou-se que a suplementação com vitamina D trouxe uma pequena queda – de 3,3% – no risco de desenvolver a doença.

Apesar do percentual não ser elevado, os autores do estudo ressaltaram que, dado o alto número de pacientes com pré-diabetes no mundo (mais de 374 milhões de adultos), o uso do nutriente pode ajudar mais de 10 milhões de pessoas a não desenvolver a forma crônica da doença.

No entanto, essa redução estaria sujeita a uma dose de vitamina D maior que a recomendada atualmente. Enquanto hoje o valor aceito é de 20 ng/ml por dia, seriam necessários de 50 a 60 ng/ml diários para reduzir o risco de diabetes.

Por isso, os pesquisadores pedem cautela, afinal “o tratamento com doses muito altas de vitamina D pode prevenir o diabetes do tipo 2 em alguns pacientes, mas também pode prejudicá-los”.

Redução das tentativas de suicídio e automutilação

Em outro estudo, a suplementação de vitamina D reduziu quase pela metade o número de suicídios e automutilação intencional entre veteranos de guerra dos Estados Unidos com deficiência do nutriente.

Na pesquisa, foram analisados 1,3 milhão de veteranos, dos quais mais de 660 mil receberam vitamina D. Então, esses pacientes foram comparados, um a um, com outros que possuíam dados demográficos e histórias clínicas semelhantes, mas que não receberam suplementação.

Como resultado, foi observada uma redução de 48,8% nos riscos de suicídio e/ou automutilação, com índices semelhantes entre homens e mulheres. No entanto, o estudo apontou que o efeito foi mais expressivo em pacientes negros, que tiveram redução de 63,8%, enquanto veteranos brancos alcançaram a marca de 38,7%.

É importante lembrar que esses dados só se aplicaram aos pacientes com níveis insuficientes de vitamina D.

Diminuição do risco de câncer de pele do tipo melanoma

Além dos benefícios citados acima, um estudo finlandês apontou que pessoas que suplementam regularmente com vitamina D têm menos chance de desenvolver câncer de pele maligno tipo melanoma.

A pesquisa contou com aproximadamente 500 participantes. Aqueles que tomaram vitamina D tiveram redução de 55% no diagnóstico de melanona. Já o uso ocasional correspondeu a uma redução de 46%. Essa queda no diagnóstico foi observada em todos os tipos de câncer de pele.

No entanto, o pesquisador responsável alerta que o estudo tem limitações, já que fatores ainda não identificados ou testados podem confundir o resultado final.

Veja também:

Perda de memória: causas, diagnóstico e tratamento

Como aumentar a vitamina D?

São três as principais formas de aumentar os níveis de vitamina D no organismo: a exposição solar, o consumo de alguns tipos de alimentos e a suplementação.

Noventa por cento da quantidade necessária de vitamina D é obtida por meio da exposição do corpo ao sol, quando os raios ultravioleta são sintetizados pelo tecido cutâneo e depois transformados em vitamina D3.

Para isso, o ideal é expor grandes áreas do corpo – como costas e tronco – por 15 a 20 minutos diariamente.

Alguns alimentos também fornecem vitamina D, entre eles leite, gema de ovo, cogumelos, manteiga e peixes oleosos (salmão, atum enlatado, sardinha em conserva). Porém, vale a pena ressaltar que apenas a alimentação não é suficiente para manter níveis adequados da vitamina.

Outra forma de aumentar os níveis de vitamina D é por meio de suplementos vitamínicos. O importante é apenas fazer esse tipo de suplementação com orientação médica. Caso o consumo seja excessivo, pode levar a diversos problemas.

——————————-

A principal missão do IMEB é contribuir para o bem-estar e a saúde das pessoas, seja prestando serviços de excelência, seja produzindo conteúdos de qualidade e sempre gratuitos.

Somos referência em exames de imagem e contamos com as mais avançadas tecnologias e um time de profissionais experientes e atenciosos.

Se você está no Distrito Federal ou Entorno e tem pedido médico, clique no link abaixo e venha cuidar da sua saúde conosco!

Quero agendar meus exames no IMEB

Por: Dr. Renato Barra / Categoria: Bem-estar Notícias

29 de março de 2023

Conteúdos Relacionados

Conteúdos Recomendados

DICAS DE SAÚDE

Receba Dicas de Saúde Atualizadas