Mamografia dói? Saiba como deixar o exame mais confortável

ge healthcare brasil paciente usando pristina

A Mamografia é o principal exame para o rastreamento do câncer de mama. Entretanto, muitas mulheres ainda deixam de realizá-lo por conta da dor que podem sentir durante o procedimento.

Uma forma de contornar esse problema é conhecer melhor como funciona o exame, e por que pode ser normal sentir um desconforto na hora de fazê-lo.

Por isso, acompanhe este artigo que iremos te explicar por que a Mamografia pode causar dor, e o que você pode fazer para tornar o exame mais confortável. Acompanhe!

Caso queira saber como ficar atenta aos sinais e sintomas do câncer de mama por meio do autoexame das mamas, confira este artigo aqui:

Como identificar um câncer de mama? 5 sinais mais frequentes

Mamografia: dói ou não dói?

A resposta é sim, a Mamografia dói, e é normal sentir desconforto durante o exame. O que acontece, porém, é que essa dor pode variar de paciente para paciente, a depender de alguns fatores. Por exemplo:

  • Mamas densas: quanto maior o tecido glandular, mais intensa poderá ser a dor. Nesse sentido, a idade da paciente é um fator que influencia no desconforto durante a Mamografia, uma vez que mulheres mais novas tendem a ter as mamas mais densas;
  • Ciclo menstrual e demais fatores hormonais: quando a paciente está mais próxima do seu ciclo menstrual ou em períodos de retenção de líquido, também pode haver mais desconforto na hora da compressão das mamas.

Esclareça outras dúvidas comuns sobre o exame de Mamografia

A dor pode persistir após o exame?

Não. A dor é passageira e só ocorre durante a compressão das mamas.

Podem existir resultados falsos negativos?

Sim. Dependendo de cada caso, pode ser necessário a realização de exames complementares para confirmar ou descartar a presença de um tumor. Mesmo assim, é muito importante que a Mamografia seja feito por equipamentos e profissionais plenamente capacitados e qualificados, para um bom rastreamento mamário e para uma análise minuciosa das imagens captadas.

Como saber se estou fazendo um exame de qualidade e confiável?

É muito importante checar se o local onde irá realizar o exame está dentro dos padrões de qualidade e confiabilidade estabelecido pelos órgãos competentes. Tanto o equipamento de realização da mamografia quanto o local devem ter o selo de qualidade da Sociedade Brasileira de Radiologia (SBR), além da vistoria de entidades como ANVISA e Vigilância Sanitária. A pesquisa também é igualmente importante: procure saber mais sobre os profissionais do local, a técnica e tecnologia dos equipamentos utilizados, depoimentos de outros pacientes, histórico da empresa.

Mamografia aumenta as chances de desenvolver câncer de mama?

Não, esse é um mito. O exame é feito com doses mínimas de radiação. Além disso, hoje os equipamentos estão cada vez mais modernos para proteger outras regiões do corpo mais sensíveis à radiação durante a mamografia, como a glândula da tireoide.

Conheça mais alguns outros mitos e verdades neste artigo e informe-se: 8 mitos e verdades sobre a mamografia

Acompanhe o artigo que iremos passar algumas orientações para tornar o exame mais confortável.

Como deixar o exame de Mamografia mais confortável?

Uma vez que mamas densas e fatores hormonais favorecem a dor durante a Mamografia, a primeira orientação é que o exame seja realizado somente após o período menstrual, no qual os seios não estarão tão densos.

Confira mais algumas orientações a seguir:

  • No caso de mulheres jovens, o recomendado é que elas realizem outros exames no lugar da Mamografia para acompanhar os seus cuidados com a saúde — como, por exemplo, a Ultrassonografia das Mamas. Isso porque a Mamografia só é indicada para as mulheres a partir dos 40 anos, ou para quem possui histórico familiar da doença;
  • Como explicado anteriormente, se você possui prótese mamária, você pode realizar a Mamografia normalmente. No entanto, recomenda-se avisar ao médico sobre a sua prótese, de modo que ele indique alguma possível posição mais confortável, e diminua a compressão das mamas;
  • Evite consumir alimentos e bebidas com cafeína uma semana antes do exame, uma vez que eles podem deixar as mamas mais sensíveis e, consequentemente, mais suscetíveis à dores.
  • Atente-se para o posicionamento correto da mama e relaxamento do corpo todo, com o auxílio do radiologista. Isso vai facilitar com que a mama seja examinada da melhor forma e também diminuir o desconforto.
  • Converse com seu médico sobre o que mais pode ser feito para amenizar a dor durante o exame, como realizar uma Ultrassonografia antes da Mamografia — para que seja feita uma pré-avaliação da presença e tamanho de possíveis cistos na região —, e a recomendação, se necessário, de algum analgésico para ser tomado antes do exame. Mas lembre-se: não tome medicamentos sem uma orientação médica, ok?

Para conhecer outros exames que podem rastrear o câncer de mama, leia estes artigos:

4 exames que detectam o câncer de mama

Cintilografia Mamária de Alta Resolução: um salto na detecção do câncer de mama

Além disso, o modo de realizar a Mamografia também pode torná-la menos dolorosa. É nesse sentido que surgiu a Mamografia Digital, um método mais eficaz e menos dolorido para realizar o exame das mamas.

Continue lendo o artigo para saber mais sobre esse tipo de exame.

O que é a Mamografia Digital? Uma opção para tornar o exame menos doloroso

A Mamografia Digital é o exame das mamas que segue o mesmo procedimento da Mamografia convencional, com a diferença de que ela permite imagens com maior qualidade e precisão. Essas imagens são armazenadas direto em um computador, otimizando tanto a análise feita pelo médico quanto o trabalho de toda a equipe envolvida.

Outra vantagem da Mamografia Digital é que ela consegue identificar desde microcalcificações e nódulos pequenos, até o câncer em fase inicial, quando o tumor ainda está menor do que 2 cm. Na prática, isso significa maior eficácia ao combate do câncer de mama, uma vez que, com este exame, é possível diagnosticá-lo ainda mais cedo.

Dependo da orientação médica, é possível também unir a mamografia digital com o uso de contraste. Saiba mais neste artigo: Mamografia com contraste: conheça os diferenciais do exame

O principal mamógrafo que cumpre essa função da Mamografia Digital é o Senographe Pristina®, uma inovação da empresa americana GE Healthcare e que já está disponível no IMEB.

O que é o Senographe Pristina?

O mamógrafo Senographe Pristina® é uma inovação da mamografia que se integra à tecnologia da tomossíntese mamária, permitindo a visualização das mamas de forma tridimensional (3D) e fornecendo imagens de até 1mm de espessura e em alta resolução.

Com isso, o Pristina® pode aumentar em até 12% as chances de identificação de cânceres em estágio inicial, bem como tumores em mamas mais densas e heterogêneas. Além disso, ele permite uma melhor visualização das bordas das lesões mamárias — essencial para determinar se o tumor é benigno ou maligno —, e evita que os tumores sejam confundidos com a sobreposição de estruturas glandulares.

Na prática, isso reduz a incidência de falsos positivos no diagnóstico, e ajuda o médico a decidir melhor a real necessidade e o tipo de exame complementar que poderá ser feito.

Mas não é só pela sua tecnologia que o Pristina® se destaca. Ele também inova ao promover mais conforto para as pacientes, um fator fundamental para tornar menos dolorido a realização do exame da Mamografia.

Continue lendo o artigo para entender melhor.

Mamografia Digital: Como o Senographe Pristina® ajuda a deixar o exame mais confortável?

Senographe Pristina® (Foto: GE Healthcare Brasil)

A principal novidade trazida pelo mamógrafo Senographe Pristina®, e que ajuda a tornar a Mamografia menos dolorosa, é a possibilidade da própria paciente fazer a compressão das suas mamas. Por meio de um controle remoto sem fio, a paciente comanda o procedimento de compressão de acordo com a supervisão e instrução do médico.

A razão para adotar esse novo método no exame se baseia no primeiro teste realizado na França com o aparelho. O estudo, feito pelo Centre de Sénologie et d’Echografie, observou que 88% das pacientes (em uma base de 100 mulheres), se sentiram mais confortáveis durante o exame, fazendo com que se sentissem seguras para comprimir os seios em até 25% a mais em relação a compressão quando conduzida por um profissional.

Em termos práticos, além dela poder controlar a própria dor que possa sentir durante o exame, ela pode contribuir para um diagnóstico mais preciso, otimizando o tratamento e os seus cuidados com a saúde.

Quais as outras vantagens do mamógrafo Pristina?

Sabe-se que, quanto maior o conforto enquanto a paciente estiver posicionada no aparelho, menor será a incidência de erro na hora de captar as imagens pelo mamógrafo. Isso porque pacientes ansiosas são mais propensas a movimentar e contrair os músculos, criando um desafio para o profissional posicioná-las adequadamente e captar imagens de boa qualidade e detalhamento.

Nesse contexto, conheça, a seguir, as principais vantagens do Pristina para promover maior conforto e eficácia durante o exame:

  • Design do mamógrafo feito com formas arredondadas, elegantes e com iluminação suave – projetado para trazer a sensação de tranquilidade e calma, contribuindo para reduzir a ansiedade que a paciente possa ter antes de começar o procedimento;
  • Possibilidade das pacientes apoiarem-se no protetor de rosto, mesmo quando o Pristina® está em movimento, sem que isso interfira na qualidade do exame;
  • Descanso de braço, para ajudar no relaxamento dos músculos e simplificar a compactação e aquisição das imagens.

Você ainda possui dúvidas se deve realizar um exame de mamografia ou não? Assista ao vídeo em que o Dr. Renato, médico do IMEB, explica quando deve ser realizada a primeira mamografia de cada mulher:

Lembre-se: o exame de Mamografia pode ser realizado todos os anos por mulheres a partir dos 40 anos, e a partir dos 35 para quem possui fatores de risco para o surgimento do câncer de mama. O exame pode ser incluído no seu check-up médico, e auxiliar nos seus cuidados com a sua saúde.

Para conhecer outros exames que você pode fazer em um check-up, confira este artigo:

Já programou seu check-up para este ano?

Para agendar a sua mamografia com IMEB, clique aqui. O Senographe Pristina® está disponível em uma das nossas unidades para te promover uma experiência mais confortável durante o exame. Realize o seu pré-agendamento que a nossa equipe entrará em contato para mais informações, ok?

ebook-cancer-de-mama-imeb

E-Book – Tudo Sobre o Câncer de Mama!

Fale conosco

Deixe sua mensagem aqui.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

IMEB -- 2018 © Copyright
Responsável Técnico: Alaor Barra Sobrinho - CRM-DF 3029