Tomografia Computadorizada: esclareça as principais dúvidas sobre o exame

o-que-e-tomografia-computadorizada-para-que-serve

A Tomografia Computadorizada (TC) é um exame de imagem indolor, rápido e eficiente, que serve para diagnosticar desde uma simples entorse (uma lesão em uma articulação) até um câncer em estágio avançado

Por oferecer tantas possibilidades de diagnóstico, acaba sendo amplamente utilizado em muitos campos da medicina e até em emergências.

Neste artigo, você vai entender melhor sobre:

Continue acompanhando!

O que é e para que serve o exame de Tomografia Computadorizada?

A Tomografia Computadorizada (TC) é um exame que utiliza ondas Raio-X para gerar imagens em 360º graus do organismo, de qualquer ângulo, o que permite avaliar as estruturas das mais diversas partes do corpo. Em geral, serve para diagnosticar doenças ortopédicas e oncológicas

Sendo assim, a TC costuma ser solicitada para detectar problemas e patologias como:

  • Tumores (benignos ou malignos) e câncer, assim como sua evolução e estágios;
  • Acidente Vascular Cerebral (AVC) e derrames;
  • Infecções, lesões e coágulos;
  • Aneurismas;
  • Hemorragias;
  • Perfuração de alças intestinais;
  • Infartos;
  • Embolias pulmonares;
  • Edema cerebral;
  • Entre outros.

Além disso, a tomografia computadorizada também costuma ser solicitada para avaliar o estado de articulações do corpo e discos da coluna. 

Tem câncer ou conhece alguém que está convivendo com esse diagnóstico? Recomendamos o material abaixo. Nele, você vai se informar melhor sobre o assunto. Baixe agora mesmo o nosso E-Book gratuito “Tenho Câncer: e Agora?”.

E-book Tenho Câncer e Agora

Qual a diferença entre tomografia e ressonância magnética?

A principal diferença é que a tomografia computadorizada (TC) utiliza radiação (em quantidades seguras e controladas) para produzir as imagens do exame, enquanto a ressonância magnética (RM) não.

Uma vantagem é que a TC não é tão sensível ao movimento do paciente durante a realização do exame, como a RM. Além disso, a tomografia também permite que pacientes com próteses metálicas ou dispositivos médicos implantados realizem o exame, ao contrário da ressonância.

Vale ressaltar que, a depender da patologia ou suspeita que o médico deseja estudar, pode ser melhor indicada a realização da tomografia ou da ressonância.

Para saber mais, leia também:

Tomografia e Ressonância: saiba a diferença e as indicações de cada exame

PET/CT ou PET-Scan: exame especial de tomografia computadorizada

O PET/CT (também conhecido como PET-Scan) é um exame especial de tomografia computadorizada que permite avaliar também as alterações metabólicas no organismo, o que faz com que o médico consiga identificar patologias em um estágio bem inicial, como tumores e câncer.

Isso significa que esse tipo de tomografia é capaz de detectar tumores logo quando começam a se formar no corpo, antes mesmo que se manifestem diretamente na anatomia do organismo.

Entenda melhor em:

PET/CT (ou PET Scan): o que você precisa saber sobre o exame

Tipos de Tomografia Computadorizada e o que detectam

Vamos ver alguns tipos de tomografia computadorizada e suas finalidades:

Tomografia computadorizada de abdômen e pelve

Pode detectar a evolução de abscessos e tumores, apendicite, litíase, má-formação renal, pancreatite, pseudocistos, lesões do fígado, cirrose e hemangiomas.

Tomografia computadorizada de membros superiores e inferiores

Monitora lesões musculares, fraturas, tumores e inflamações.

Tomografia computadorizada de crânio

Investiga traumas, infecções, hemorragias, hidrocefalia, possíveis aneurismas ou nódulos.

Tomografia computadorizada de tórax

Indicada para investigações de infecções, doenças vasculares, presença de tumores e suas evoluções.

Tomografia computadorizada dos olhos

Pode detectar a existência de alguma partícula no olho, infecções do globo ocular ou em volta da cavidade ocular, tumores da órbita ou do nervo óptico.

Tomografia computadorizada dos rins e do trato urinário

Indicada para hemorragias nos rins ou em volta deles, formações endurecidas (pedra nos rins), tumores renais ou em volta deles.

Tomografia computadorizada dos pulmões

Investiga dilatação das vias aéreas (bronquiectasia), enfisema, tumores, pneumonia, ou embolia pulmonar.

Deseja marcar algum desses tipos de Tomografia? Basta clicar aqui e agendar o seu exame no IMEB, referência em Diagnóstico por Imagem e Medicina Nuclear em Brasília (DF).

Marque seu Exame - IMEB

Marque seu Exame no IMEB – Imagens Médicas de Brasília

Como é feito o exame de Tomografia Computadorizada?

A tomografia computadorizada é um exame rápido e que não provoca dor. O paciente fica deitado em uma maca especial e é inserido dentro do equipamento que possui as duas extremidades abertas. A posição do paciente vai variar de acordo com a área do corpo a ser estudada.

Com o paciente dentro do equipamento, começam a ser captadas as imagens. No computador, as imagens geradas aparecem em formatos transversais, como se a região avaliada fosse cortada em diversas fatias para mostrar todos os órgãos.

É indicado que o paciente se mantenha imóvel durante o exame, a fim de não prejudicar a qualidade do resultado. Logo após a realização da TC, o paciente é liberado para retornar às suas atividades normais do dia a dia.

Como lidar com o medo de doenças e exames? Saiba aqui.

Aparelho de Tomografia Computadorizada: como funciona?

O aparelho utilizado na Tomografia Computadorizada chama-se Tomógrafo, um equipamento em formato de tubo aberto, que gira em torno do paciente durante a realização do exame para produzir as imagens, emitindo ondas de Raio-X de um lado e captando do outro.

Aparelho de Tomografia Computadorizada

Ao girar o equipamento, os feixes de raios-X incidem sobre o corpo do paciente e vão formando imagens de diversos ângulos, simultaneamente.

Os tomógrafos mais modernos permitem também que sejam formadas imagens em 3D, com riqueza de detalhes, o que oferece uma visão mais fiel e real do organismo para a avaliação médica.

Exame de Tomografia com Contraste

Caso o médico julgue necessário, a tomografia computadorizada também pode ser realizada com o uso de contraste. Em geral, tomografias de crânio, tórax e abdômen são feitas com a administração do contraste, por exemplo.

O uso da substância serve para que a região estudada nos resultados fique mais visível e nítida, com uma maior definição de vasos sanguíneos e lesões, o que facilita a avaliação do médico.

O tipo de contraste usado na TC é o contraste iodado e pode ser administrado no paciente tanto via intravenosa quanto via oral.

Quanto tempo demora para eliminar o contraste do organismo?

Na maioria dos casos o contraste costuma ser eliminado pelo próprio organismo em até 24h após a realização do exame, pela urina.

Vale reforçar que, para mães que amamentam, o recomendado é aguardar pelo menos 8 horas após a realização do exame com contraste para amamentar novamente.

Se esse é o seu caso ou o de alguém próximo, leia também este outro artigo: Amamentação e exame de contraste: tire suas dúvidas!

Quais as reações do contraste?

O contraste é uma substância considerada segura, desde que administrada da forma correta. Podem acontecer algumas reações leves ao contraste, como reações de pele, náuseas e vômitos, entre outras, que são normais. Efeitos graves são mais raros e incomuns, com maior incidência em pacientes alérgicos.

No vídeo abaixo, o Dr. Renato, médico do IMEB e especialista em Medicina Nuclear, esclarece melhor sobre as reações do contraste na tomografia computadorizada. Assista:

E ainda: se for utilizado contraste para a realização do exame, pode ser que a cor da urina apresente um aspecto diferente da normal. Saiba mais sobre esse assunto neste artigo: Cor da urina diferente: o que pode ser? Devo me preocupar?

Quanto tempo leva para fazer uma tomografia?

Em geral, o procedimento completo para o exame é realizado em, no máximo, 30 minutos (desde a preparação até a finalização da captura de imagens).

Já a captura de imagens, por si só, é extremamente rápida. A tomografia computadorizada do tórax, por exemplo, costuma levar menos de um minuto para realizar as imagens.

Preparação para o exame

Para a tomografia computadorizada, é recomendado que o paciente compareça ao local de realização do exame vestindo roupas sem botões de metal ou pressão, zíperes, joias ou qualquer outro tipo de material metálico na região que será examinada. 

Isso porque esses itens podem atrapalhar o efeito das ondas de Raio-X e prejudicar a qualidade das imagens.

Além disso, antes do exame, o médico ou enfermeiro faz algumas perguntas ao paciente para identificar qualquer fator que possa oferecer riscos de reações, especialmente nos casos de TCs com o uso de contraste.

Se necessário, o médico poderá suspender o uso de contraste ou medicá-lo antes de administrar a substância para evitar quaisquer reações.

É preciso estar em jejum para fazer tomografia?

Sim. Quem vai realizar a TC precisa estar em jejum de, no mínimo, 6 horas antes da realização do exame, especialmente se for solicitado o uso de contraste.

O jejum permite que o organismo absorva melhor o contraste, o que melhora a qualidade dos resultados.

Resultado da Tomografia Computadorizada

Resultado da Tomografia Computadorizada

É a variação de cores (geralmente em tons de cinza) que vai determinar se o resultado da tomografia é normal ou indica alguma alteração fora do comum no organismo. 

Caso o radiologista ou o médico observem qualquer anormalidade nas imagens, pode-se iniciar o tratamento de acordo com a patologia identificada ou, se necessário, também podem ser solicitados exames de imagem complementares para uma maior segurança no diagnóstico, como a ultrassonografia.

Além disso, geralmente, o laudo completo da TC costuma levar mais tempo para ser concluído em comparação com outros exames, já que as imagens passam por uma avaliação mais detalhada do radiologista.

A região do corpo examinada também interfere no laudo. A depender do local, os resultados podem sair no mesmo dia ou alguns dias depois.

Deseja marcar o seu exame de Tomografia Computadorizada? O IMEB é uma clínica referência em Diagnóstico por Imagem e Medicina Nuclear em Brasília (DF). Clique aqui e saiba onde fazer a sua TC, além de preços e condições de pagamento do exame! 

Leia também: O que considerar para obter confiança em um diagnóstico?

Fale conosco

Deixe sua mensagem aqui.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

IMEB -- 2018 © Copyright
Responsável Técnico: Alaor Barra Sobrinho - CRM-DF 3029